Engravidei minha irmã

O nomes serão alterados ou vou me referir por pai, mãe irmã

Sou Fênix tenho 19 anos, mas essa história aconteceu a quando tinha 18 anos, moramos em uma pequena cidade do interior de SP em uma casa grande onde moram eu,meu irmão, meu pai e minha mãe e no fundo do quintal tem uma casa onde mora minha irmã mais velha cm 24 anos e meu cunhado.
Num dia onde estávamos sentados na mesa de jantar conversando eu, minha irmã e mãe, minha irmã q vou chamar de Laura começamos a irritar um ao outro com tapas no braços, ela é gordinha cm peitos grandes morena com uma bunda linda, ela começou a me segurar e eu corri para meu quarto até q ela me segurou e para eu não escapar me tacou na cama e sentou em cima de mim, nessa hora como qualquer homem tendo um bucetona daquela roçando em vc, fiquei com pau feito pedra, meu pau tinha uns 17 cm de comprimento e 14,5 de circunferência, nessa hora ela olhou pra mim e saiu de cima de mim surpresa mas não contou a ninguém, e eu fiquei assustado pensando se ela iria contar a alguém.
Já no outro dia tomei coragem e fui pedir desculpas a ela, e ela me perguntou:
– Nossa mais vc ficou excitado com sua irmã.

– Lógico com um bucetão desse roçando no meu pau e ainda uma gostosa como vc em cima de mim não tem como não ficar excitado.

– Obrigado pelo elogio irmãozinho aí ele falou se me podia fazer uma proposta.

Falei q sim, assim ela logo disse:
– Então, acho q podemos tirar proveito disso para no’s dois, vc sabe q quero um filho e vc sabe q meu maridinho e eu estamos tentando faz 1 ano e meio e nada, até fazemos um pouco de sexo mais nada de ficar grávida, então vou te dar um mês pra vc me engravidar, se vc conseguir te dou minha buceta para vc para sempre se não conseguir não te dou nunca mais.
Falei logo q aceitava, e nisso começou todo dia de manhã lá para 9 horas ia lá na casa do fundo e fuder minha irmãzinha, ficávamos até umas 11 da manhã trepando. Começava ela me dando um boquete delicioso com aquela boquinha macia e quente quase me fazendo gozar e eu chupando aquela xota apertadinha pois como ela disse o marido dela era o primeiro homem da vida dela e não faziam sexo muitas vezes, nessa hora ela já molhadinha com uma voz de puta desesperada por pica fala pra mim:
– Me fode, Me fode com força irmãozinho, me dá um filho seu já q o corno não me dá.
Quando ela disse isso já ajeitei ela na cama com a perna aberta para mim e enfiei meu membro nela e parecia q o corno não fazia sexo com ela a um tempo porque a putinha começava falando para meter com força e nisso obedeci e ela gemia igual uma atriz pornô no meu ouvido logo ela falou deixa eu cavalgar nesse se pauzão, lógico q deixei e ela cavalgava com um ânimo q parecia q tava no rodeio, logo coloquei ela de 4 na cama e metia com força sem dó quando ela fala:
– Vou gozar seu puto, quando ela disse isso não aguentei mais, e disse tbm:
– Vamos gozar junto putinha nisso caímos na cama exausto e ela falou q nunca tinha gozado antes, quando ouvi isso foi tipo um Viagra para mim pq meu pau ja ficou duro de novo então ela disse:
– Vamos pro segundo round safadinho e nisso trepamos e isso se seguiu por duas semanas até que minha mãe desconfiou de algo e perguntou a minha irmã q acabou mentindo, mas logo minha mãe disse que sabia q estávamos transando e que era para parar.
Na próxima história saberemos se vou continuar fodendo minha irmã e se ela está grávida ou não.

Contos relacionados

Ninfomaníaca 

Ninfomaníaca  A sexualidade também entrou cedo na minha vida assim como acontece na vida de milhares de pessoas pelo mundo a única diferença é saber o que fazer e como viver com ela, a partir deste dia.  Eu ainda era muito novinha...

O Príncipe E A Ninfeta

Era uma vez... A princesa Lola Bom Boquete, que vivia no Reino da Vila Kennedy com seu Príncipe Charlie do Pau Grosso. Lola Bom Boquete era uma safada que adorava chupar o pau de seu homem e tinha um ciúme enorme dele, fazendo-o se sentir especial. A...

M?dico Dote Grosso E A Paciente Lactante

Olá amigos! Sei que muitos contos não são reais,mas,o que vou lhes contar realmente aconteceu. Sou médico,49 anos,boa aparência, 1,63cm ,70kg,coxas grossas,moreno claro,cabelos lisos castanhos e dono de um pau extremamente grosso /...

O Dia Que Perdi O Cabaço

Oi, meu nome é fredy, vou contar a vocês o dia em que perdi o cabaço do meu cú. Tenho  cabelos pretos, tenho um corpo normal. . Estava conversando com um amigo chamado Andre , super safado,que ficava falando que eu tenho a bunda gostosa aquilo estava...

Meu Marido, Um Voyeur

Meu marido, um voyeur Olá para todos, sou a Danielle tenho 23 anos e sou casada com o Ronny a quase 3 anos. Quero avisar a todos, principalmente as mulheres casadas que estiverem começando a ler esta histária que se tiverem rigidos principios...

Doce Vida

Doce vida DOCE VIDA Desde onde a minha memória alcança, sempre me vi cercado de mulheres por todos os lados. Aconteceu comigo porque sou o filho caçula de uma irmandade de que contam com cinco mulheres, e diga-se de passagem lindas e...