Tesão Dos Pós Aos lábios

Tesão dos pés aos lábios

Tesão dos pés aos lábios

Nós, garotas adolescentes vivemos em época moderna de TV, Internet, DVDs e outros veículos de informação. Acredito que as garotas de minha faixa etária sabem o que sei sobre sexo e… praticam.

Sou uma adolescente com muitas colegas e poucas AMIGAS: Apenas três. Uma delas de 29anos, Julia, experiente, com quem aprendo tudo do gostoso e deslumbrante universo erótico.

Na casa dela (que mora sozinha) ocasionalmente ficamos nuas sem nos tocar. Vejo os ?brinquedosó que ela usa, sem eu usar. Assistimos filmes de sexo e às vezes cada uma se masturba.

Um dia, chegando à casa dela, fui apresentada a um rapaz que balançou minha estrutura erótica de tão maravilhoso e sexy que era. Contive-me e cumprimentei-o naturalmente.

Sentei no sofá notando o olhar de Jonathan (seu nome) para meus pés que, com rasteirinhas, estavam à mostra.

Em dado momento Julia, alegando ter matéria para terminar em seu computador, retirou-se. Jonathan, vidrado em meus pés disse: Meu fraco são os pés de uma mulher e nunca vi tão bonitos quanto os seus.

Não entendi: Tão belo e absurdamente sensual ter como fetiche os pés das mulheres. Sorri e disse: ãestão livres para seu olhar.? E ele perguntou: Posso senti-los em minhas mãosó Parecem tão sedosos!!! Controlei-me mas… Tirei a rasteirinha do pé direito e disse: Só um toque, de leve! Ele o acariciou de forma gostosa, sensual!!! Acho que ruborizei tamanha a sensualidade de suas mãos.

Elegante, não avançou o sinal, apenas passou a mão sobre meus cabelos e disse olhando fundo em meus olhos azuis: ãobrigado! Você me fez tremer com seu corpo lindo e pés tão sensuais!. Posso vê-la novamente?? Como estava inebriada, respondí: Aqui, na casa de minha amiga, sim. Despediu-se com um leve beijo no meu rosto e foi-se deixando minha respiração e batimento cardíacos, alterados.

Conversei com Julia que sorrindo disse: Claro que você pode vê-lo aqui novamente!

E sabe o que estou achando? Que você ficou cheia de tesão e sua virgindade está em risco e vai acabar!

Fui para casa, não pude dormir imaginando Jonathan…NU. Masturbei-me e depois dormi. Passados dois dias, Julia convidou-me para um café após as aulas. Avisei meus pais que, como nada suspeitavam, concordaram. Fui de mini saia, calcinha, sem sutien e de rasteirinhas. Chegando lá, ele já estava e minha amiga logo disse: tire suas rasteirinhas que o piso foi encerado (????) (Tudo facilitado, pensei!).

Sentei-me ao lado dele, Julia desculpou-se dizendo que tinha que ausentar-se por uma hora mais ou menos e nos deixou. Jonathan, com seu rosto bem próximo ao meu, pediu que colocasse meus pés sobre seu colo, o que fiz. De forma gostosa e excitante, Jonathan começou a acariciá-los e… fui amolecendo. Ajeitando-me no sofá, dobrei uma das pernas o que o fez levar uma das mãos até a metade da parte interna de minha coxa, sempre com muito carinho. Não protestei e ele continuou. Começou então a ?passear? sua mão até bem próximo à fonte do prazer. Ofegante e excitada, não oferecia resistência àquele deus erótico.

Queria muito que direcionasse seus dedos até meu clitóris e me masturbasse tamanha era minha vontade de ter aquele ?tesão? fazendo-me explodir em gozo nunca tido antes. Mas, cauteloso e elegante, não progrediu. Olhei fixo para ele e pedi um beijo. Noosssa! Foi gostoso demais! Inesquecivel!

Pegou minha mão e direcionou ao seu membro ereto. Resisti. Afinal, havia uma virgindade em jogo.

Carinhosa e suavemente apalpou um de meus seios. Daí para abrir minha blusa e abocanhá-lo foi estonteante. Que delícia!!! Uma das mãos já apalpava levemente minha calcinha sobre a ensopada vagina. Que gostoso!!!! Estava descontroladamente nas nuvens!!!

Não resisti e apalpei seu pau sobre a calça que já mostrava sinais de umidade. Sentia-me descontrolada e pedi que tirasse sua camisa: ?Nossa!!! Que tórax!!! Levei minha boca até seu mamilo e os lambi com suavidade. Pensava em minha virgindade enquanto prevalecia o impulso carnal que nos dominava. Tudo que fazia era levar à prática as ?aulas teóricasó de minha amiga obedecendo os mandos de meu corpo invadido por uma excitação avassaladora.

Ele mamando em meu seio, acariciando minha fonte do prazer levando-me à loucura enquanto eu apalpava seu mastro era toda uma situação que nos conduzia à nudez e ao ato sexual. Só que, de repente levantou-se, abaixou a calça e cueca e, estirado no sofá, pediu meus pés e com eles fez um sanduiche em seu mastro movimentando-os para cima e para baixo (masturbando-se com meus pés), com muito carinho. Aconteceu o esperado: gozou jatos fortes de leite do amor. Lambuzou meus pés e com cuidado, usando sua cueca os limpou. Em seguida, para minha surpresa chupou deliciosamente o dedão do pé esquerdo e a seguir do direito. Nunca, nunca mesmo pensei que tal ato fosse tão excitante! Queria mais, voluntariamente fiquei nua, deitei no sofá e pedi mais amor. Jonathan deitou sobre mim, colocou seu mastro sobre minha vagina, virado para baixo e começou a roçá-la com movimentos para cima e para baixo. A fricção de seu pau em meu clitóris e nos grandes lábios levou-me à explosão tão desejada: gozeeeeei, gritaaaando!!

Acho que arranhei suas costas e logo a seguir, nos levantamos, fomos ao banheiro, nos lavamos e vestidos voltamos ao sofá. Beijamo-nos gostosamente e esperamos minha amiga que logo chegou. Ao ver o brilho em nossos olhos, e com uma cara de safada, pensou: ?Um galo comeu uma galetinha?.

Por hoje chega, a parte II virá breve é Tchau!!!

Autor: Grilenko.

Contos relacionados

Transa Maravilhosa Depois De Muito Tempo.

Transa maravilhosa depois de muito tempo. Oi meu nome e Carla e namoro desde 2006,eu e meu namorado tinhamos uma vida sexual ativa no primeiro ano de namoro,mais ja no 2º ano eu perdi o interesse por sexo,sendo que com ele nunca tinha sido nem um...

Primo comendo a prima gostosa

Primo comendo prima gostosa. Num sábado normal, estava eu sozinha em casa de pijama, um shortinho curto e justo que fazia a polpa da minha bunda durinha e grande aparecer e deixava a minha bucetinha bem apertadinha e uma regata tao justinha que meus...

Meu Pedido De Casamento

Meu Pedido de casamento Pqp nem acredito que to aqi rsrs Sou Bruna (nome fictício) e vou conta uma Historia minha e da minha namorada (Manuella) com quem ja estou a 1 ano e 3 meses. Foi em uma tarde de uma terça feira , eu estava em casa ,...

Esposa Exibicionista 1

Hoje, quarta-feira, tivemos aqui em casa a manutenção do vidro e a tela de proteção da sacada do nosso apartamento. Vieram dois homens e logo foram para sacada reolver o problema, começaram a trabalhar com o vidro de fechamento e a tela de proteção. ...

Travesti, Minha Esposa E Eu

Minha esposa trabalha como manicure. Tá sempre trabalhando no salão ou atendendo nas residências. Faz tempo que trabalha num salão perto de casa, trabalha sempre nos finais de semana até tarde, como a rua e meio escura, sempre vou buscá-la pra tentar...

Sobrinha E Enteada

 Bem eu sou moreno 1,82 sou Casado e minha esposa tem três filhos e mais ainda uma sobrinha que ela cria como Filha . bem meus enteados sâo tranquilos a mais velha tem 13 porem vejo eles como filhos ,porem a sobrinha da minha esposa, vou chamar de...