Uma Noite De Estudo Com A Ex-namorada

A minha ex-namorada, Fernanda, com o namorado actual, o Rui, um amigo comum, o Victor, e eu cursávamos engenharia e combinámos um dia de estudo em conjunto. A Fernanda era loira, linda, e tinha um corpo maravilhoso. Gostava de sexo mas nunca me deixou comer o rabo porque tenho um pénis bem grosso e ela nunca tinha experimentado.

Durante as pausas do estudo íamos bebendo e começámos a ficar toldados. O Rui e a Fernanda beijavam-se e começaram a acariciar-se de forma ousada e fizémos uma pausa nos estudos. Disse ao Rui que podia ir com a Fernanda para o quarto e continuaríamos mais tarde. Eles retiraram-se mas passados uns minutos voltaram dizendo que era injusto eles terem aventura e nós não. Respondi que não iria ?brincar? com o Victor por isso era a única solução. A Fernanda disse que há sempre mais que uma solução, afinal éramos estudantes de engenharia. Começou a tirar a roupa e disse-nos para fazermos o mesmo. Olhando aquele corpo maravilhoso, nem hesitei e em minutos estávamos completamente nús. Pude constatar que o Rui tinha um pau médio e o Victor tinha um pau mesmo pequeno. Já não me lembro da conversa mas a Fernanda acabou por dizer que não se importava de dar o rabo se quem a penetrasse também fosse penetrado pelo outro. O Rui disse logo que, como namorado, ficaria na parte da frente e que eu me entendesse com o Victor. Entretanto deitou-se e a Fernanda montou sobre ele, empinando o rabo. O Victor olhou para a grossura do meu pau e disse logo que não queria ser penetrado mas que não se importava de me penetrar. Não me apetecia nada ter o rabo penetrado mas ela desafiava-me: Não querias o meu rabo? Aproveita agora ou nunca o terás.

Não sei o que me passou pela cabeça. Disse ao Rui para a segurar bem, encostei o pau na entrada do seu rabo e penetrei-a com força fazendo-a chorar e gritar. Ela tentou fugir mas não conseguia. Depois o Victor veio e penetrou-me também. Doeu como o caraças, apesar dele ter o pau menor, senti as minhas pregas rasgarem e gritei bem alto. Tentei fugir mas eles agarraram-me e tive que aguentar. Felizmente o Victor demorou dez minutos a terminar mas deixou-me o rabo a arder de tal forma que durante dois dias não me sentei direito.

A Fernanda ficou com o rabo todo arrombado mas no mês seguinte apareceu no meu apartamento e voltou para mim e quer repetir mas com o Victor.

Contos relacionados

Banho E Sexo Zoo

Voltamos de umas compras, tarde quente de inverno, por volta de 15:00 hrs, disse a minha esposa, bom dar um banho nos cães, deixa-los cheirosos; ela me olhou com uma cara de safada dizendo: é né, o que vc está tramando, respondo: nada só banho nos cães,...

Uma Mulher Pra Lá De Gostosa!

Uma mulher pra lá de gostosa! Olá pessoal! Sou leitor assóduo de contos erúticos e costumo navegar por quase todos os sites do g?nero, mas o Acervo de Contos é o meu predileto, o qual escolhi para postar essa experiência maravilhosa que vivi com...

Tinha De Acontercer, Aconteceu - Parte Ii

TINHA DE ACONTECER, ACONTECEU -  PARTE II Já se tinham passado dois dias. Aquele pequeno pedaço de papel com um nome e um número telefônico era a fixação do momento. Não me saia da cabeça o quanto tinha sido prazeroso chupar aquele homem no cinema....

Amor De Muito Tempo

Amor de muito tempo Bom, meu nome é Andreia, cabelos lisos e compridos , cerca de 1,63 de altura, baixinha rs . seios bem fartos (nada exagerado) uma bundinha consideravel e uma cinturinha de dar inveja. Quando nova, era apaixonada por um rapaz,...

Madrinha Um Anal Para não Esquecer

Estava fazendo 25 anos quando a minha madrinha, que não via desde dos 8, apareceu toda sorridente com um presente nas mãos. Ela tem 65 anos, mas aparenta menos, bem cuidada, soube depois, viúva a 2 anos.Colocamos o papo em dia e, de repente me fez um...

A Bela E O Feio

Olá, meu nome é Mauro tenho 1,60 de altura tenho 35anos a minha historia ate hoje quando lembro fico excitado tomara que vcs gostem , quando completei 18 anos o meu pai disse logo.''E hora de procurar trabalho" então depois de passar alguns...