Sexo Dentro Trem! Você Já Fez?

Sexo dentro Trem! Você já fez?

Este conto aconteceu há algum tempo já, mas só agora resolvi conta-lo. Certa vez minha amiga me chamou para resolver um assunto em SP (prox a estação Barra Funda), pois ela não sabia andar pela cidade. Ela é uma jovem morena, cabelo negro, pele branca levemente bronzeada (tinha ido pra praia uma semana anterior). Eu decidir ir com ela para tentar ajuda-la. Como não temos carro, fomos de trem. Como fomos num horário em que o trem ficava vazio nos vagões finais decidimos ir la, pra podermos ficar mais a vontade e podermos conversar mais tranquilamente (idéia dela). Nas duas primeiras estações, percebemos que o papo já estava fluindo muito bem e logo a conversa estava ficando quente, e começamos a falar de sexo e posições que gostávamos e tal, percebi que os biquinhos do peito dela estavam durinhos e perguntei: Você esta excitada? Ela nem me respondeu, a bela morena começou a me acariciar, passando aquelas lindas mãos em minha coxa e sobre minha rola. E nestes movimentos, ela meteu a mão por dentro da calça e começou a estimular meu pau, que já estava rígido como uma pedra ao mesmo tempo eu acariciava a xoxota dela por dentro da saia, porém, na terceira estação, entrou uma pessoa no vagão, ficamos quietos e como o trem tinha umas pequenas paredes, isso evitava que ele ficasse nos observando. Ela, safada como é, abriu minha calça e começou a chupar ali mesmo… loucamente, chupava tão gostoso, com a boca quentinha, e uma língua muito bem treinada…rsrs…. e naquela cena tão doida e igualmente excitante, já estava louco de tesão, como o cara podia perceber,  isso nos deixava ainda mais loucos….passando umas duas estações olhei pra ela e disse: cachorra, quero gozar em sua boca (com uma voz bem quase sussarrando, para que o outro passageiro não escutasse, ela olhou pra mim enquanto chupava e deu um pequeno sorriso, depois disso não aguentei, gozei gostoso na boca dela e ela engoliu o gozo e me olhou tão deliciosamente, que logo fui pra cima, abaixei a calcinha dela, e comecei a xupa-la ali mesmo, ela se contorcia todinha, mas não podia gemer para que a outra pessoa não percebesse o que estava acontecendo….qto mais eu xupava aquela xoxota gostosa, mais ela ficava doida, puxando minha cabeça, numa tentativa de que eu não parece em nenhum momento. E ela gozou gostoso tbm na minha boca…. Quando estávamos a fim de transarmos ali mesmo, o trem para na estação, e entra um simpático senhor que senta bem perto da gente, fazendo com que parássemos de fazer o que esta fazendo ?. Mas sabíamos que iria rolar alguma coisa. Depois que chegamos na Barra funda, resolvemos o que tinha pra resolver e fomos embora. Porém na hora que estávamos na estação Barra Funda, decidimos ir pra ultima estação (Julio Prestes) pois sabíamos q esta estação o trem ia vazio e voltava pra Barra funda vazio no horário que estávamos…. O trem chegou, entramos novamente no ultimo vagão e novamente estava vazio o/ ….. e logo que fechou as portas começamos de onde havíamos parado, ela começou me chupar novamente, e eu comecei a passar a mão em todo aquele corpo maravilhoso, e logo, ela retirou sua calcinha e me disse: enfia gostoso, AGORA!!!!!  Fiz que ficasse de quatro no banco de trem e comecei a penetra-la gostoso, a sua xoxotinha quente e apertada que me deixava ainda mais louco. Metia e metia, com tanta vontade e força, dominado pelos meus extintos mais loucos e animais. Chamava a de cachorra e dava tapas naquela bunda redonda, grande, gostosa e levemente bronzeada….e ela pedia por mais…e mais…percebi que seu cuzinho piscava, pedindo um pouco daquilo, eu cuspi em seu cuzinho e comecei a enfiar o dedo e logo depois tirei minha pica da xoxotinhha dela e enfiei-lhe em seu tobá apertado e quente, ela não gostava de anal mas como o tesão tomava conta da gente, ela pediu pra enfiar com gosto, pra enfiar tudo e com força, numa atitude desesperada….e comecei a comer aquele cu delicioso, minha nossa, como era bom, metia e metia, chamava de cachorra, minha puta,  e ela pedia pra não parar por hipótese alguma, enquanto eu acariciava sua xoxota molhada e gostosa….ela percebendo que eu já não estava aguentando de tesão ela disse: Eu quero q você goze no meu cu…não demorou gozei gostoso, saiu um jato tão gostoso que parecia que havia pousado na lua….rsrs!!!!  Ela retirou um rolo de papel higiênico de sua bolsa e se limpou…..neste momento eu perguntei: Por uma acaso você já estava esperando que aconteceria isso? E ela respondeu: Você acha mesmo que precisava de ajuda pra andar em Sp e resolver o problema que tinha? Eu queria apenas realizar minha fantasia que era transar no trem!! Foi qdo olhei pra ela e respondi: Que pretexto maravilhoso!!!! ?

Contos relacionados

Exibicionismo Pelas Ruas Do Rj

Olá esse é o meu primeiro conto e prometo a vocês que vai ser muito excitante.  Me chamo Junior tenho cerca de 30 anos com aparência de bem mais novo.  Rs minha esposa é uma branquinha mega gostosa com belos seios grandes coxuda e com em belo...

A Empregada Que Tirou Minha Virgindade

A empregada que tirou minha virgindade Em 1958 mudamos para Guaratinguetá no vale do Paraíba, meu na época trabalhava com TV e foi transferido de São Paulo para ajudar na implantação do sistema de UHF e levar televisão para toda aquela...

Cumprindo O Desejo De Cornelios

Cumprindo o desejo de Cornelios O relato aqui é verdadeiro, somente os nomes são fictícios para evitar conflitos, Paloma começa a teclar comigo no face. Ela muito comunicativa começou a falar de sua vida, e de um problema, um marido...

Aquelas Pernas Me Seduziram

Seguindo o modelo de todos os contos que já li começo falando um pouco da minha vida. Lembrando que tudo que está descrito aqui é a mais pura verdade, por isso não usei nomes para preservar as partes envolvidas. Sempre fui muito recatada, desde a...

Reencontro Com Meu Primo

Reencontro com meu primo Bom pessoas, este é o meu primeiro conto,perdoem-me os erros os quais talvez eu os deixe passar sem notá-los e até mesmo pela extensão dele. Tenho lido assiduamente todos os relatos e contos desse site, o que me deixou...

Anal E Oral

Fui treinado para duas funções no sexo. Comer o rabo, de mulher e de homem, e ser chupado. Talvez seja consequência de uma de minhas primeiras namoradas, a Taís. Ela sempre quis casar virgem, e, por isso, fazia estripulias de todo jeito, preservando o...