Comendo A Loira Na Semana De Saco Cheio

Comendo a loira na semana de saco cheio

Era semana do saco cheio, uma semana inteira sem aula, só na curtição com a galera. Sexta-feira eu fui pra casa de uma amigo meu, muita comida, cerveja e mulher, a maioria da minha idade, todas colegas desse meu amigo. 

Enquanto virava outro copo de cerveja percebi uma loira, peitos médios, coxas grossas e bunda bem grande. Ela usava um vestido branco curtíssimo e ficava hora e outro cruzando e descruzando as pernas enquanto me olhava. Sorri maliciosamente e foi o bastante para ele se levantar do lugar que estava e vir falar comigo. Depois das devidas apresentações, copos de cerveja e uma rápida conversa, descobri que ela era do Rio de Janeiro e veio visitar o meu amigo nessa semana de saco cheio. Após algumas risadas a percebi passando a mão pelo meu pau, ele sentiu e ficou extremamente duro, ela riu disfarçadamente ao ver sua ereção mesmo por dentro da calça. Talvez tentei disfarçar o meu tesão ao ver aqueles peitos quase saindo pra fora do decote e iniciei uma conversa aleatória. Depois de responder algumas perguntas ou apenas concordar com a cabeça, a loira pareceu não se conter e logo disse ao meu ouvido para eu acompanha-la até o quarto de hospedes para pegar uma coisa na sua mala. A acompanhei até o quarto, chegando lá a mala estava no chão, ela fez questão de se abaixar com aquele vestidinho deixando sua bunda enorme toda a mostra, e quando se levantou encostou a bunda no meu pau o fazendo se levantar novamente.

Ela soltou uma risada abafada e se virou olhando para o meu pau. “Não sei porque trouxe isso mas, eu gostaria muito de usar com alguém.” Ela disse manhosa com um tubo de gel K.Y na mão. Sem mais desconfiar de suas intenções a agarrei pela cintura e lhe beijei. Subi minhas mãos até seus peito e comecei a massageá-los. Eles ja estavam bem durinhos. Ela logo saiu do beijo e desceu abrindo o zíper da minha calça e tirando-a. Começou a punhetar gostoso meu mastro e logo depois o abocanhou com toda vontade. Automaticamente coloquei a mão na sua cabeça a forçando fazer um vai e vem bem gostoso. Ela ficou ali lambendo meu pinto até quase eu gozar, ela se levantou e tratei de tirar aquele vestido, a joguei na cama e abri suas pernas para le chupas, retribuindo o pequeno prazer quela havia me dado anteriormente. Ela se contorcia na cama, segurando forte os lençóis. Fiz questão de meter a lingua bem no seu grelinho a fazendo estremesse. Subi a té ela, e lhe beijei novamente e comecei a chupar seus peitos enquanto ela mesma se masturbava. “Vem cá e me come, eu quero te dar bem gostoso.” Ela falou e foi o bastante para eu direcionar a minha tora na sua buceta gosta. Soquei com força a fazendo gemer. O vai e vem durou até eu gozar gostosamente minutos depois dela. Me joguei exausto na cama, revirei os olhos de cansaço e a vi se sentar em cima de mim pronta para cavalgar em cima do meu pau. Era a melhor visão que eu podia ter ao ver meu pau comendo a bucetinha dela. Ela gemia bem gostoso enquanto eu apertava os peitos dela. Já começando a chegar o tédio, a virei e coloquei suas pernas no meu ombro, penetrando bem rapido o meu pinto, não deixando nada pra fora. “Via, mete, mete gostosa. Via goza.” Falou revirando os olhos de prazer. Gozei, ela gozou. Gozamos. Depois de minutos ela se levantou e pegou o tubo de K.Y que estava no chão e jogou o para mim, se debruçou na cama e empinou aquele cu gostoso na minha direção. Passei o gel nela e logo depois lambuzei minha tora com ele. Segurei forte na sua cintura e meti sem dó, depois de segundos fazendo o vai e vem com força, comecei a lhe dar tapas na bunda enquanto a xingava. Ela disse que gostava. “Via me chama de cachorra, gostosa, vai.” Falou em um quase gemido. A obedeci e continuei a estocar “Vai sua puta safada, gostosa, sua cachorra.” Depois de anunciar o gozo, gozei deliciosamente naquele cu maravilhoso. Ela se sentou na cama e me chamou, colocou meu mastro no meio daquele peitões e começou a fazer uma espanhola, gozei o meu leitinho na sua cara toda, ah que delicia. ” Agora vem e deixa meu pau bem limpinho.” Falei e  ela riu safada abocanhando meu pau. Chupou bem gostoso me fazendo delirar. Nos deitamos e talvez cochilamos por alguns segundos. Quando abri os olhos a vi deitada do meu lado acariciando o meu pinto de leve. Lhe beijei a boca e meti meus dois dedos na sus bocetinha, que estava molhada novamente. “Quero te comer gostoso de novo, gostosa.” Falei no seu ouvido, ela sorriu e abriu as pernas, corri e enfiei meu pau todo lá em diagonal, ela urrava de prazer. “Ai que gostoso, meti mais forte, vai, mete.” Disse e foi o que eu fiz, meti bem gostoso, os meus 20cm nunca foram tão agasalhos como agora, a buceta apertadinha dela me fazia delirar e gemer, continuando a estocar. Depois de gozarmos, tomamos um banho e voltamos para a festa. Duas garotas chamaram a loira para dar uma volta na cidade. Horas depois comi mais uma gostosa que me punhetou por debaixo da mesa antes de leva-la para cama e escuta-la dizer ” Meti bem gotoso em mim.” COMENTEM AS GOSTOSAS QUE FICARAM MOLHADINHAS!!!!!

Contos relacionados

Minha Fantasia Realizada

Minha fantasia realizada Ola , eu me chamo Larissa (nome ficticio), sou morena , cabelos cacheados , tenho um corpo cheio de curvas e um bumbum bem durinho e redondo! tem um amigo meu chamado Zé (nome ficiticio) , ele é casado , mas sempre...

Vizinha Cabeluda

Vizinha Cabeluda Nunca tive coragem de relatar minhas aventuras mas depois de muito ler contos eu tomei coragem pra relatar meu primeiro conto. Lógico que usando nome ficticio.Bom sou moreno 1,80 de altura e na época magro pesava uns 78 kg,...

Pesadelo

Pesadelo ?AAAHM, NÃO! AAAAAAAHUM? Acordei assustado com seus gemidos, olhei para o lado e ela estava se debatendo. Rolei para perto dela e a abracei. ?Amor! Mozinho, acorda, é um pesadelo!? Ela abriu os olhos, eles sempre me desarmavam,...

Férias Inesquecíveis

Férias inesquecíveis Sou novo por aqui, mas o que vou relatar realmente aconteceu comigo e minha esposa em Julho de 2010. Bem, em resumo minha esposa (Carla) tem 29 anos 1,72m cabelos e olhos castanhos, seios durinhos que encaixam perfeitamente na...

Guerra De Bucetas

Gisele olhava para as coxas de Mayara e mordia os lábios. Transito estava ruim naquela tarde de sexta feira, um sol escaldante, e Mayara naquela minissaia provocante.  Foi assim também na reunião de ontem. Mayara era consultora. Estava naquela cidade...

O Meu Melhor Dia Dos Namorados

O meu melhor dia dos Namorados Parece estranho, mas só agora que tive o meu melhor dia dos namorados. Sempre sonhei com um namorado que me tirasse o fôlego, que realizasse as minhas loucuras e me fizesse perder o chão. Finalmente em...